O que é VGBL e quando ele realmente vale a pena?

Já não é surpresa para ninguém que o que é pago pelo INSS não é suficiente para cobrir o custo de vida médio de um aposentado. Para muitos, se a intenção é ganhar mais de R$ 2.000 não há outra opção senão investir em um plano de previdência privada.

Neste caso, o VGBL pode ser uma boa alternativa. A seguir explicaremos o que é VGBL e como ele funciona. Continue a leitura e esclareça suas dúvidas!

O que é VGBL?

O VGBL (Vida Gerador de Benefícios Livres) é um tipo de plano de previdência privada. Ele geralmente é utilizado por pessoas que não declaram o imposto de renda ou fazem o modelo simplificado, já que não é possível descontar seus valores.

Essa é uma das principais diferenças em relação ao outro plano de previdência: o PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre). Aqui, é possível declarar os valores e obter dedução de até 12% dos rendimentos brutos. A tributação do VGBL também é distinta, pois é feita na hora do resgate. O IR só recai na rentabilidade acumulada, enquanto no PGBL, o imposto cai em toda a quantia recebida.

Quando vale a pena?

O que se recomenda é que se faça também um VGBL, quem já tem um PGBL e está disposto a investir um valor que supere os 12% estipulados para a declaração. Ao fazer o plano, é possível aplicar um valor maior usando as sobras que excederam do PGBL e não podem ser descontados no imposto.

Como não existe nenhuma restrição por lei referente a ter vários planos de previdência, esse processo é facilitado. Além disso, não é preciso esperar para retirada dos rendimentos do VGBL. Eles podem ser feitos em um curto período de tempo, mas é muito importante considerar o regime tributário.

Os VGBLs, assim como os PGBLs, não sofrem a influência de tributação semestral como a maioria dos fundos de investimentos. A cobrança de imposto só acontece quando são regatados os recursos do plano e ela incide apenas sobre a rentabilidade.

Além do mais, há dois tipos de tabelas de tributação para esse plano: a progressiva e a regressiva. A primeira é a mesma que cai sobre salários, aposentadorias e aluguéis. A alíquota aumenta conforme o montante do resgate. A segunda, depende do tempo de investimento; quanto maior, menor é a alíquota.

Quais são as vantagens do VGBL?

A principal vantagem é que ele possibilita definir quem poderá receber o dinheiro quando o investidor morrer. Os recursos reunidos nesse plano não entram no inventário ou no espólio. O dinheiro do VGBL costuma ser liberado em menos de um mês.

Como fazer um plano VGBL?

O primeiro passo é escolher uma seguradora. É importante que você pesquise e procure a opção que mais se adéque ao seu objetivo. Não é necessário aceitar apenas a que o seu banco oferece. Depois, analise os planos oferecidos. Existem diferentes tipos de VGBL, inclusive, alguns que investem mais em ações.

Fique atento para as taxas de administração e as outras taxas que podem ser disponibilizadas, pois elas podem ser um grande diferencial para rentabilidade do plano. Evite as muito altas e, em alguns casos, pode ser que a taxa de carregamento nem seja cobrada, o que pode ser uma economia para você.

Agora que você tem as informações necessárias para entender o que é VGBL, pode escolher a melhor opção de plano de previdência privada para a sua situação. Aproveite para curtir a nossa página no Facebook e não perca nossas novidades!

Sobre o Autor

LiveCapital

LiveCapital é um gerenciador de investimentos que ajuda você a controlar online todas as suas ações, derivativos, fundos, renda fixa e outros ativos.